sábado, 7 de fevereiro de 2009

Perguntas

As palavras!
Meias palavras
Moldaram-se em
Escassos lamentos
Em preces sopradas sem destino.
E o silêncio?
Perdeu-se na vastidão.
Um facho de luz
Não extermina trevas.
E a esperança?
Vivifica rimas
Dulcifica a melodia.
E o que temos?
Nada ou apenas possibilidades.
Pensar é melhor que sentir?
Perceber o que há
Num mergulho em si
Faz a permanência.
E o que mais dizer?
Sermões, conselhos...
Seguir o sol.

4 comentários:

Sobre Livros e Filmes disse...

muito lindo amei...

jorginho da hora disse...

Menina, essas perguntas estão na cabeça de qualquer pessoa que tem alguma noção das coisas e algum carater. O que acho legal é que ainda podemos transformar essas inquietações em poemas criativos.

Carol disse...

"Pensar é melhor que sentir?"
Ambos fazem nos voltar para nós mesmos e nos faz conhecer mais nossa personalidade através das escolhas. Temos um leque de opções e cabe a nós escolhermos o que queremos seguir. Qual a opção é melhor para chegarmos a conclusão correta? hahaha... ou será melhor simplesmente fazermos nada? Penso no país de "revoluções" da juventude de ontem e o que somos hoje. Negociadores, pacifistas? hahaha. Já saí do assunto, mas tudo bem.
Ainda me pergunto o que é melhor e mergulho em mim, mas ainda não percebi o que há, além da grande dúvida (= a permanência).
Lindaaa! Você é fera!
Beijos e paz!

jose augusto dos santos neto disse...

ROsa.perfeitooo..
um mergulho rico da alma...
"Perceber o que há
Num mergulho em si
Faz a permanência..."