quinta-feira, 10 de abril de 2014

Coletivo Inusitado

Na sua viagem no túnel do tempo a nossa personagem surgiu num ônibus diferenciado, pois havia mesas com cadeiras, algo semelhante a um trailer. Os passageiros eram poucos, além da nossa personagem estavam na viagem uma mulher com uma criança (de mais ou menos 2 anos de idade) e o prefeito da cidade, vestido com uma camisa azul.  

A criança estava com fome, então o veículo se deslocou até uma estrada deserta de filme norte-americano, onde era feita uma parada para que a mãe cozinhasse algo, logo a cena assemelhava-se a uma lanchonete dentro do ônibus.  Todos os passageiros sentiam-se agraciados em presenciar a preparação do alimento, uma receita de macarrão, que tinha um aspecto bonito e parecia delicioso.

Apesar da fome ao longo da viagem, nossa personagem sentia-se enternecida com a vivência daquele instante compartilhada com a mulher mãe, a criança e o prefeito simpático.


Os encontros inusitados trazem oportunidades de cenas únicas nas relações humanas. A nossa personagem se permitiu estar na cena com seus sentidos aguçados sem entender o tempo, o lugar apenas entregue.

sonho; comida; ônibus;

Um comentário:

Skyline Spirit disse...

pretty nice blog, following :)